Pesquisar no Blog do J.A.

quarta-feira, 7 de dezembro de 2011

DEUS CRIOU O HOMEM PARA GOVERNAR O MUNDO QUE HÁ DE VIR

DEUS CRIOU O HOMEM PARA GOVERNAR O MUNDO QUE HÁ DE VIR

No capítulo 2 da Epístola aos Hebreus temos a resposta para a pergunta por que Deus criou o homem? Os versículos 5 a 9 explicam que o governo do mundo que há de vir não será entregue a anjos, mas ao homem. Contudo não é qualquer pessoa que poderá reinar sobre o mundo vindouro, senão aqueles que receberam o Senhor Jesus como sua vida, negaram a si mesmos e permitiram que a vida divina crescesse em seu interior.

Como tudo isso vai se dar? De que modo isso pode ocorrer na vida de cada um de nós? A fim de responder a essas indagações, tentaremos abordar em algumas outras postagens o reino dos céus, que tem estreita relação com o mundo que há de vir, o reino milenar.

O mundo que há de vir começará com a segunda vinda do Senhor Jesus. O mundo em que vivemos se iniciou a partir da obra de criação e restauração feita por Deus e descrita no capítulo 1 do livro de Gênesis. Antes, por Deus: o mundo de outrora.

Em Sua criação original, Deus fez o universo com beleza e harmonia (cf Jó 38:7), e entregou o governo de Sua criação a um anjo muito especial, Lúcifer. Dois capítulos da Bíblia – Ezequiel 28 e Isaías 14 – dão detalhes sobre o que ocorreu com ele, que depois se tornou Satanás, o adversário de Deus.

O capítulo 28 do livro de Ezequiel fala do rei de Tiro, referindo-se a Lúcifer: “Assim diz o SENHOR Deus: Tu és o sinete da perfeição, cheio de sabedoria e formosura. Estavas no Éden, jardim de Deus [...]. tu eras querubim da guarda ungido, e te estabeleci; permanecias no monte santo de Deus, no brilho das pedras andavas. Perfeito eras nos teus caminhos, desde o dia em que foste criado até que se achou iniqüidade em ti” (VS. 12-15).

Lúcifer era singular e gozava de uma posição elevadíssima entre os anjos – era querubim da guarda ungido -, mas não estava satisfeito, pois ambicionava mais: queria ser semelhante ao Altíssimo (Is 14:13-14). Deus não ficou indiferente a tamanha ousadia: “Pelo que te lançarei, profanado, fora do monte de Deus e te farei perecer, ó querubim da guarda” (Ez 28:16b). Deus lançou Lúcifer por terra, bem como toda a legião de anjos que o seguiu (Ap 12:7, 9). Com isso a terra se corrompeu. Os fósseis de dinossauros e animais pré-históricos encontrados hoje em dia pelos cientistas são resquícios do mundo de outrora.

Apesar disso, Deus não desistiu de Seu propósito. Ele está preparando um grupo de pessoas para governar, juntamente com Cristo, o mundo que há de vir (Ap 20:6). Essas pessoas passaram pelo processo de regeneração, estão crescendo na vida divina, ao negar a si mesmas, e sendo aperfeiçoadas na obra do Senhor. Que Ele nos conceda graça e misericórdia, a fim de que nos entreguemos sem reserva a esse propósito maravilhoso! Louvado seja o Senhor!

Conselhos Bíblicos