Pesquisar no Blog do J.A.

terça-feira, 8 de agosto de 2017

Os Dons Dele

"Por cujo motivo te lembro que despertes o dom de Deus que existe em ti pela imposição das minhas mãos."
2 Tm 1.6

Os dons não são oferecidos aos crentes em seu pleno florescimento; é necessário que, mediante a fé, o cristão os cultive e exercite em benefício do Corpo (a Igreja) e para a glória de Deus.

Paulo usa a expressão grega original anazõpurõ, que significa "fazer o fogo reviver das brasas" ou "reatiçar", para incentivar seu amado discípulo a permitir que o charisma (no original grego "dom gracioso") de Deus fosse plenamente liberado por meio de suas palavras e atitudes.

A imposição das mãos era um ato de fé e sinal da autoridade espiritual de Paulo (1 Tm 1.18).

Paulo sabia da autoridade constituída por Cristo a ele, e ao impor as mãos sobre Timóteo vaticina o que já estava predito sobre a vida dele.

Os dons que devem ser buscados pelos servos devem ser solicitados a Deus para benefício da Igreja, mas no caso da liderança de uma igreja, seja ela onde for, deve ter a imposição de mãos por parte dos que estão comissionando os novos obreiros ao trabalho.

Foi o que Paulo fez com Timóteo, ele impôs as mãos sobre ele e ainda após deixa-lo na responsabilidade da igreja em Éfeso, continua dando todo o apoio para que ele busque e manifeste os dons que nele estão.
1 Tm 4.14 - "Não desprezes o dom que há em ti, o qual te foi dado por profecia, com a imposição das mãos do presbitério. "
Os dons de Deus são para benefício da obra Dele, quem milita nessa obra tem o direito de usa-los.

Conselhos Bíblicos